Como escolher um software Jurídico para seu escritório?

fevereiro 05, 2021
software juridico

Seu escritório já utiliza um software jurídico? Se não, está na hora de você dar mais atenção a isto.

Portanto, caso já tenha neste artigo também você vai poder analisar se fez uma escolha certa.

Sendo assim, vamos falar sobre as vantagens e benefícios de utilizar um software jurídico, sobre o software jurídico web.

Dessa forma, conheça principalmente quais os critérios a se atentar na hora de escolher um para o seu escritório.

Qual a idade mínima permitida para Trabalho Infantil?

Do que se trata o ROI de um software jurídico?

Antes de tudo é preciso esclarecer o que é o ROI do software jurídico e como ele é calculado de modo a saber se é ou não viável para o seu negócio. Resumidamente, o ROI é um indicador a fim de saber quanto de dinheiro se ganhou ao investir em uma determinada ferramenta, nesse caso o software jurídico. Sendo assim, é basicamente o retorno sobre o investimento na ferramenta.

Contudo, existem muitas fórmulas a fim de calcular o ROI, dentre elas se destaca a fórmula: Retorno obtido dividido pelo valor do investimento. De um modo geral, o retorno obtido está relacionado aos resultados, como o aumento da rentabilidade de um negócio ou redução de custos. Portanto, na advocacia, o ROI deve ser pensado principalmente em relação à economia onde o software jurídico vai gerar.

software juridico

Vantagens e Benefícios!

Primeiramente, em meio à agenda de compromissos lotada no exercício da advocacia, contar com as tecnologias modernas é um fator essencial para desenvolver bem o trabalho do escritório. Sendo assim, vou resumir em 3 grupos as muitas vantagens e benefícios de utilizar um software jurídico.

Atendimento de excelência

Um software jurídico possibilita oferecer ao cliente excelência no atendimento. Agendamentos diretos por aplicativos e site no qual pode se tornar um importante diferencial. Ao automatizar atividades repetitivas do escritório, dando um ar de organização e profissionalismo. Portanto, o software jurídico oferece funcionalidades desde a prospecção até a fidelização dos clientes. Hoje há softwares nos quais possibilitam trazer dados de clientes que já têm processo nos Tribunais automaticamente. Além de montar um histórico no qual as informações ficam concentradas no mesmo lugar com acesso rápido, a um clique. Assim, nenhuma informação importante é perdida.

Os registros mantêm os atendimentos, tratativas, decisões, documentos, tarefas realizadas, pagamentos de honorários e outros dados da rotina processual e procedimental. Acabou a necessidade de confiar na memória e a dificuldade de acessar certas informações. Antes, tudo ficava espalhado em pastas físicas, e-mails, planilhas e arquivos diversos no computador, hoje podem ser disponibilizados na tela de um computador, tablet ou celular. Até o que antes precisava ir ao fórum a fim de saber, tudo hoje está ao alcance de suas mãos utilizando o software jurídico.

Fidelização de clientes

Com o acesso facilitado às informações, pode oferecer uma estratégia de retorno, de feedbacks muito mais eficiente aos seus clientes. Encantar os clientes com eficiência é o passo mais importante para a fidelização e ser indicado pelos clientes. Se tudo pode ser acessado através de alguns cliques e em segundos, você tem informações de modo a fazer agendamentos como de mensagens no aniversário, ligações periódicas, etc. Além, é claro, de poder responder os questionamentos feitos pelos clientes rapidamente. Empresas e profissionais hoje escolhem seus advogados por razões subjetivas e práticas. Assim, oferecer a melhor experiência desde o primeiro contato e eficiência na prestação de serviços é a melhor forma de garantir confiança e credibilidade.

Organização Administrativa e Financeira

Um software jurídico faz a sua rotina jurídica ficar organizada de verdade. Os prazos podem ser 100% cumpridos. A atualização dos processos funciona automaticamente, contando com a Inteligência Artificial no qual classifica as publicações, os prazos e as audiências. A gestão de tarefas também é realizada de forma automática, com lembretes e relatórios na rotina para que os profissionais realizem as tarefas dentro dos prazos. A gestão financeira do escritório também é facilitada. Um bom software jurídico permite a geração de contratos, boletos, carnês para programação de pagamentos e outras formas de recebimentos à vista, cartão de crédito, etc. Contar com um sistema no qual permite organizar a cobrança de honorários desde a contratação de forma documentada evita situações constrangedoras com os clientes e a inadimplência.

Como escolher o software jurídico?

Primeiramente, antes de qualquer coisa, saber o que você pretende solucionar ou melhorar por meio do uso de um software jurídico é fundamental. Objetivos como:

  • Aumentar a produtividade;
  • Adaptar a atuação remota;
  • Reduzir volume de arquivos físicos e papéis;
  • Profissionalizar o atendimento;
  • Reduzir tempo em gestão de tarefas;
  • Destacar o diferencial competitivo.

Sendo assim, são fatores relevantes na advocacia a fim de ter um bom software jurídico. Tendo clareza nos objetivos, você analisa as funcionalidades das ferramentas no mercado e escolha aquele no qual venha de encontro com os seus objetivos. Mas, não deixe de pensar nos objetivos futuros. É preciso ter em conta que a tendência é de fazer os dígitos e a quantidade de clientes e contratos aumentarem. Sendo assim, o ideal é escolher um sistema onde ofereça planos e funcionalidades nos quais acompanhem o crescimento no futuro.

Software jurídico na Web

O software jurídico na web vem se destacando no sentido de oferecer liberdade de criação aos desenvolvedores e autonomia e praticidade aos usuários. A diferença do programa comum em relação ao modelo disponível na web está na interface do tipo de sistema. Dessa forma, o software jurídico web é mais moderno e agradável na forma de utilização. Usa também a tecnologia de computação em nuvem (cloud computing). Isto torna possível o acesso a diferentes aplicações através da internet, sem precisar instalar nada no computador.

A interface mais moderna e intuitiva garante maior autonomia aos usuários nos quais podem desempenhar tarefas sem precisar acessar tutoriais ou fazer treinamentos longos. Também possibilita fazer acessos e gestão dos processos, atendimentos e qualquer tarefa de qualquer lugar. Basta ter os dados de login e senha e um dispositivo de acesso à internet a fim de acessar o software jurídico na web. Neste artigo você viu como um software jurídico pode ser muito útil ao seu escritório.

Mas saiba, existem até opções gratuitas e com planos nos quais podem acompanhar posteriormente o crescimento do seu escritório, o Trello, por exemplo, pode ser uma boa opção a fim de se organizar. Agora é só ver os seus objetivos e escolher o seu software jurídico. Gostou desse artigo? Continue nos acompanhando! Aqui temos sempre novidades da advocacia de forma bem atual de modo que você consiga acompanhar as novidades e tendências, deixando sempre seu escritório o mais atualizado possível.

Conheça os tipos de responsabilidade jurídica e fique atento!

sobre o autor

conteúdos relacionados

Lei Sansão: Maus-tratos de animais tem pena aumentada!

Lei Sansão: Maus-tratos de animais tem pena aumentada!

Você conhece a Lei Sansão de proteção aos animais? Segundo o site do UOL, recentemente a Delegacia Eletrônica de Proteção Animal registrou um aumento de 81,5% nas denúncias de maus-tratos contra animais em São Paulo. Há fortes movimentos políticos e sociais focados em pressionar os legisladores...

Juros de Obra: Como saber se estão te cobrando a mais?

Juros de Obra: Como saber se estão te cobrando a mais?

Você sabia que quando você compra um imóvel na planta e financia pelo banco existe um risco de pagar Juros de Obra a mais? Atenção! Este é um assunto que muita gente não sabe e o prejuízo pode ser muito grande. Conheça as regras do Teletrabalho e como ele diferencia do Home-Office. Neste post...

Teletrabalho: Como seguir a lei e as recomendações do MPT?

Teletrabalho: Como seguir a lei e as recomendações do MPT?

Com o aumento do Teletrabalho o Ministério Público do Trabalho se pronunciou. Isso, a fim de manter as condições mínimas de segurança e qualidade da saúde do trabalhador. Confira nesse texto tudo sobre o Teletrabalho e quais as recomendações do MPT. Teletrabalho: As recomendações do MPT O...

deixe seu comentário